Para fins de melhorar a sua experiência, este site usa atualmente cookies. Eu Compreendo
Página Inicial
<   FEVEREIRO 2020   >
SEG TER QUA QUI SEX SAB DOM
1 2
3 4 5 6 7 8 9
10 11 12 13 14 15 16
17 18 19 20 21 22 23
24 25 26 27 28 29 1

Dieta Mediterrânica: Um estilo de vida para todos

Dieta Mediterrânica: Um estilo de vida para todos
13 de Agosto de 2015

A Dieta Mediterrânica é muito mais do que um regime alimentar: representa um estilo de vida e uma parte do património dos países da região mediterrânica.


Portugal, embora não seja banhado pelo Mar Mediterrânico, partilha muitos traços característicos das regiões que o são: o clima, a natureza, as produções agroalimentares, as convivialidades, as sociabilidades. E é a nossa dieta baseada em produtos frescos, da época, produzidos localmente, com características preventivas de doenças cardiovasculares e cancerígenas que fazem com que sejamos parte do grupo de promotores da Dieta Mediterrânica.


A Ordem dos Nutricionistas congratulou a distinção da Dieta Mediterrânica como Património Cultural Imaterial da Humanidade pela Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura (UNESCO), em 2013, desde o primeiro minuto, por acreditar que é, efetivamente, um padrão promotor de saúde.


Enquanto membro do Grupo de Acompanhamento para a Salvaguarda e Promoção da Dieta Mediterrânica, ministerialmente nomeado desde a inscrição da Dieta Mediterrânica como Património Cultural Imaterial da Humanidade da UNESCO, a Ordem dos Nutricionistas apela a todos os seus membros que queiram ser parte ativa na sua promoção e na superação dos desafios que lhe são inerentes. Assim, lança agora o vídeo "Dieta Mediterrânica: Um estilo de vida para todos" que pretende ilustrar de forma breve e objetiva como podem os cidadãos cumprir com um estilo de vida que se afirma simples e tão valorizado em termos de virtudes salutogénicas.




Para que se consiga dar força a esta mensagem, convidamos todos os membros a unirem-se na difusão deste vídeo e a utiliza-lo como um instrumento para incrementar a prática de uma alimentação saudável, agradável, saborosa, económica e respeitadora das tradições.