Para fins de melhorar a sua experiência, este site usa atualmente cookies. Eu Compreendo
Página Inicial
<   AGOSTO 2020   >
SEG TER QUA QUI SEX SAB DOM
1 2
3 4 5 6 7 8 9
10 11 12 13 14 15 16
17 18 19 20 21 22 23
24 25 26 27 28 29 30
31 1 2 3 4 5 6

Comunicado de imprensa | Errónea identificação de nutricionista

Comunicado de imprensa | Errónea identificação de nutricionista
27 de Junho de 2020

No decorrer das notícias publicadas, nos últimos dias nos Órgãos de Comunicação Social, sobre jejum intermitente, tendo como fonte Alexandra Vasconcelos, a Ordem dos Nutricionistas alerta que a responsável pelas declarações supramencionada não é nutricionista, pelo que não se poderá identificar, nem ser identificada, com esta nomenclatura profissional.

 

Alexandra Vasconcelos, autora do livro “O Poder do Jejum Intermitente”, tem sido, em diversos momentos mediáticos, erradamente apresentada como nutricionista e, por isso, a Ordem dos Nutricionistas aconselha, a verificação dos profissionais através do site da organização, no qual é possível identificar quem é, de facto, nutricionista.

 

Acresce que, qualquer regime alimentar deve ter por base evidência científica robusta, prescrito por nutricionista, de modo a garantir equilíbrio nutricional e a evitar perceções erróneas, de que são exemplo algumas falsas alegações divulgadas nos últimos dias, como o poder do jejum intermitente “reverter a diabetes tipo 2”.

 

Recorde-se que a Ordem dos Nutricionistas é a associação pública profissional que regula o acesso e o exercício da profissão de nutricionista, tendo também como atribuições a representação e a defesa dos interesses gerais da profissão, zelando pela função social, dignidade e prestígio da mesma; a atribuição, em exclusivo, do título profissional de nutricionista; e a emissão das cédulas profissionais dos nutricionistas, assim como a defesa do título profissional.



Fonte: Comunicado de imprensa da Ordem dos Nutricionistas, enviado a 27 de junho de 2020



correio da manha

jornal de noticias

Fonte: Correio da Manhã, edição impressa, 26 de junho de 2020 Fonte: Jornal de Notícias, edição impressa, 28 de junho de 2020